Austrália vai analisar impacto do homem sobre Barreira de Corais

O Estado de S.Paulo

20 de fevereiro de 2012 | 03h03

A Austrália vai realizar um levantamento completo dos impactos de atividades humanas sobre a Grande Barreira de Corais, na costa leste do país. Será o maior estudo deste tipo já realizado. O objetivo é saber em detalhes como a ocupação da costa leste da Austrália está afetando os ecossistemas recifais, em especial no Estado de Queensland, um importante exportador de commodities e polo turístico da região.

"É nossa obrigação proteger esse lugar extraordinário para as próximas gerações", disse o ministro de Meio Ambiente da Austrália, Tony Burke, em um comunicado conjunto com o governo de Queensland. Segundo ele, o estudo permitirá fazer uma avaliação cumulativa dos efeitos diretos e indiretos das atividades humanas sobre os recifes de coral. Incluindo o tráfego de navios cargueiros pela região. Em 2010, um navio de carvão chinês afundou sobre os recifes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.