Av. Paulista ganha sistema econômico de iluminação

A AES Eletropaulo inaugura amanhã o novo sistema de iluminação da Avenida Paulista, um dos cartões-postais mais famosos de São Paulo. São 54 postes projetados exclusivamente para a avenida com lâmpadas de vapor metálico com 315W de potência, o que, de acordo com a distribuidora, vai aumentar a luminosidade na área em 300%. O Túnel Ayrton Senna também receberá nova iluminação amanhã, dia do 457º aniversário da cidade.

EQUIPE AE, Agência Estado

24 de janeiro de 2011 | 16h27

O total investido na Paulista e no Ayrton Senna é de R$ 9,7 milhões. Conforme a Eletropaulo, o novo sistema vai proporcionar à administração municipal uma economia de até R$ 720 mil por ano com a redução da despesa com energia. As novas lâmpadas utilizadas na Paulista podem diminuir em 60% o consumo de energia e as do túnel, em 83%. Conforme a distribuidora, o novo sistema trará ainda mais segurança para os pedestres da Avenida Paulista e para os motoristas.

A iluminação no Ayrton Senna agora será feita por lâmpadas do tipo LED - sigla em inglês para diodo emissor de luz. Segundo a Eletropaulo, em caso de oscilação de energia na rede o sistema reacende imediatamente, diferente da iluminação atual, formada por lâmpadas de vapor de sódio que demoram cerca de 10 minutos para serem religadas. São 1.644 luminárias na pista e outras 444 nas entradas e saídas do Túnel Ayrton Senna.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.