Avianca negocia compra de mais 50 aviões, diz Efromovich

O magnata Germán Efromovich, controlador da companhia aérea AviancaTaca, afirmou nesta quinta-feira que negocia com a Airbus e outro fabricante a compra de cerca de 50 aviões a mais, principalmente para as operações da Avianca Brasil.

REUTERS

23 Junho 2011 | 15h41

Em uma entrevista à Reuters na capital chilena, Efromovich revelou que as aeronaves a serem adquiridas seriam de envergadura semelhante às do acordo de compra que a AviancaTaca fechou na quarta-feira, de 51 aviões Airbus, por 4,5 bilhões de dólares.

"Nos encontramos em um período em que deveríamos colocar um pedido para um dos fabricantes para a Avianca Brasil, estamos em negociações, não fechamos com nenhum dos dois, mas estamos conversando sobre uma compra quase do mesmo tamanho (que o feito pela AviancaTaca)", afirmou Efromovich.

O empresário naturalizado brasileiro, que participou de um seminário em Santiago, afirmou que os planos de investimento do grupo nos próximos cinco anos superam 7 bilhões de dólares em aquisições de aviões.

O controlador da AviancaTaca revelou que entre os planos está a listagem da empresa no mercado dos EUA.

"Definitivamente, vamos fazer isso, nos próximos anos isso vai ocorrer (listar em Nova York)", disse.

(Reportagem de Felipe Iturrieta)

Mais conteúdo sobre:
AVIACAO AVIANCA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.