Bahia inaugura primeira Base Comunitária de Segurança

O governo da Bahia inaugurou na manhã de hoje a primeira Base Comunitária de Segurança, no bairro do Calabar, em Salvador. Segundo o secretário da Segurança Pública da Bahia, Maurício Barbosa, esta é a primeira de quatro unidades que vão funcionar na capital baiana.

SOLANGE SPIGLIATTI, Agência Estado

27 de abril de 2011 | 13h50

A Base Comunitária de Segurança é um modelo de policiamento inspirado nas Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) do Rio de Janeiro e também será instalada nos bairros Nordeste de Amaralina, Tancredo Neves e Subúrbio Ferroviário.

Com um efetivo de 120 policiais militares, a primeira unidade vai funcionar, provisoriamente, no prédio da Associação de Moradores. Além de atender aos moradores do bairro, o equipamento vai beneficiar também os residentes do Alto das Pombas.

A implantação das bases é uma das ações previstas pelo programa Pacto pela Vida, do governo estadual, que tem a finalidade de reduzir os índices de crimes contra a vida. O programa combina maior eficiência na área da segurança, atuação conjunta de órgãos de diversas esferas de poder na prestação de serviços públicos e colaboração da sociedade com sugestões e críticas sobre os problemas das comunidades.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.