Baleia que subiu o Tâmisa passa por autópsia

Um especialista em mamíferos marinhos realizou ontem uma autópsia na baleia que entrou no Rio Tâmisa, na esperança de determinar o que levou o animal, de mais de 6 metros, a deixar seu caminho pelos mares e subir o rio até o centro de Londres, antes de morrer durante uma tentativa de resgate. A Sociedade Zoológica de Londres diz que espera os resultados preliminares sobre o que matou a baleia na quarta-feira. A baleia capturou a simpatia dos londrinos ao nadar rumo às águas rasas e lamacentas do Tâmisa, passando pelas casas do Parlamento e pelo Big Ben. Ela morreu depois que equipes de resgate tentaram carregá-la até águas mais profundas.

Agencia Estado,

23 de janeiro de 2006 | 16h16

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.