Barbatana de tubarão pode ter neurotoxina

O consumo de barbatanas de tubarão, além de ameaçar a extinção de muitas espécies, também pode ser responsável por um aumento nos casos de doenças neurodegenerativas em humanos, como Alzheimer. Um estudo da Universidade de Miami e publicado na revista Marine Drugs comprovou altas concentrações da neurotoxina BMAA nas barbatanas dos animais.

O Estado de S.Paulo

27 de fevereiro de 2012 | 03h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.