Batalhão de Choque acompanha manifestação no Rio

Quatro viaturas e 15 policiais do Batalhão de Choque estão posicionados no Largo do Machado, em Laranjeiras (zona sul do Rio), acompanhando de longe a manifestação organizada por diversos grupos que protestam pelo Estado laico. De acordo com o comando do policiamento, a Tropa de Choque não está no local por causa do protesto, mas porque, em razão da presença do papa Francisco, estão distribuídos por pontos estratégicos da capital fluminense.

HELOISA ARUTH STURM, Agência Estado

22 de julho de 2013 | 17h13

Homens da Força Nacional de Segurança também circulam pelo largo. A Rua Pinheiro Machado e as vias transversais, que dão acesso ao Palácio Guanabara, sede do governo do Rio, onde Francisco terá compromisso ainda nesta segunda-feira, estão interditadas. Segundo policiais, os manifestantes não conseguirão chegar ao palácio em razão das interdições.

Mais conteúdo sobre:
PapaLaranjeiras

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.