Bateria da Acadêmicos do Tatuapé é o ouro da escola

A bateria da Acadêmicos do Tatuapé representa o pote de ouro no final do arco-íris. A escola da zona leste de São Paulo conta a história do ouro e suas diversas representações. Aborda desde a descoberta até as ostentações e conquistas nos dias de hoje (bodas de ouro, disco de ouro, troféu Oscar, bola de ouro, Palma de ouro, medalha de ouro). Os contos infantis também serão lembrados, como Tio Patinhas e a Galinha dos Ovos de Ouro.

EQUIPE AE, Estadão Conteúdo

15 Fevereiro 2015 | 04h45

A agremiação se destaca pelo grupo de belas mulheres que acompanha a rainha Gil Jung. A Acadêmicos totaliza 3 mil integrantes, divididos em quatro setores e 19 alas.

Alguns integrantes tiveram problemas com as fantasias. Um dos componentes, vestido de Fauno, ficou sem parte da fantasia. As asas estavam tortas desde o início da apresentação e foram rapidamente recolhidas. Na frente da bateria, os chifres usados por um passista ensaiaram cair. Ele não teve dúvida: segurou o adereço com a mão e continuou sambando.

Mais conteúdo sobre:
Carnaval Acadêmicos do Tatuapé

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.