Bebê Arthur passa bem mas seu estado é crítico

O estado de saúde de Arthur Blauth Schlobach Santos, de 4 meses, que foi submetido nesta sexta-feira a uma cirurgia para correção parcial de hipoplasia do coração esquerdo, no Instituto do Coração do Hospital das Clínicas, em São Paulo é crítico.De acordo com o boletim médico divulgado nesta tarde, a cirurgia foi realizada entre às 07h30 até as 16h30. No momento, o paciente encontra-se sob suporte cardiocirculatório, em transporte para a UTI pós-operatória do Incor, onde permanecerá por período indeterminado, frente à extrema gravidade de seu quadro e ao altíssimo risco da cirurgia, conforme o boletim.A cirurgia a que Arthur foi submetido corresponde a uma tentativa de fazer com que a distribuição do fluxo sanguíneo no organismo do bebê seja equilibrada. Hoje, o cérebro e o coração de Arthur recebem menos sangue que o normal. De acordo com o Incor, o quadro apresentava alto risco de morte súbita. A opção pela cirurgia buscou alcançar evolução mais favorável para o quadro clínico do paciente, diante da impossibilidade do transplante infantil, indicado no caso de Arthur, devido à falta de órgão para doação neste momento. A cirurgia foi realizada pelo Dr. Miguel Barbero Marcial, diretor da Unidade Cirúrgica Pediátrica do Incor.

Agencia Estado,

17 de março de 2006 | 19h18

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.