Belga acusado de matar em seu país é preso no Alemão

Um belga acusado de matar uma pessoa em seu país de origem foi preso nesta sexta-feira, 27, pela Polícia Federal (PF) no Complexo do Alemão, na zona norte do Rio, onde morava. A PF não divulgou nome nem idade dele.

FÁBIO GRELLET, Agência Estado

27 de setembro de 2013 | 17h08

Segundo a Polícia Federal, o rapaz era investigado na Bélgica, onde tem uma ordem de prisão devido a um homicídio. Ao descobrir ele estava morando no Brasil, a polícia belga solicitou à PF que tentasse localizá-lo.

A polícia brasileira descobriu que o rapaz morava no Alemão e o deteve. Na região ele é conhecido por praticar automutilação. Por conta disso, segundo nota da PF, ele apresenta "sérias restrições físicas". O rapaz está preso no Rio, aguardando decisão judicial para possível extradição.

Mais conteúdo sobre:
BelgaprisãoComplexo do alemão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.