Bellucci e Sá vencem em Valência; Melo desiste na Basileia

Jogando com outros parceiros, Thomaz Bellucci e André Sá estrearam com vitória na chave de duplas do Torneio de Valência, competição espanhola de nível ATP 250, nesta segunda-feira. Em outra competição que está sendo disputada nesta semana, na Basileia, Marcelo Melo desistiu de entrar em quadra, cansado após conquistar três títulos seguidos.

Agência Estado, Estadão Conteúdo

26 Outubro 2015 | 17h49

Bellucci surpreendeu, ao lado do britânico Colin Fleming, ao eliminar os principais favoritos ao título da chave de duplas, o sul-africano Raven Klaasen e o norte-americano Rajeev Ram. Brasileiro e britânico venceram por 2 sets a 1, com parciais de 3/6, 6/4 e 10/4.

Na segunda rodada, equivalente às quartas de final, Bellucci e Fleming vão enfrentar a dupla vencedora do confronto entre Julian Knowle/Oliver Marach e Jonathan Marray/Aisam-Ul-Haq Pak Qureshi.

Andre Sá forma dupla com o australiano Chris Guccione na quadra dura de Valência. E nesta segunda eles venceram o jovem brasileiro Eduardo Russi Assumpção e o espanhol Mario Vilella Martinez por 6/1 e 6/2. Assumpção, de São Paulo, tem 20 anos, ocupa a 1008ª posição no ranking de duplas e entrou na chave à convite da organização.

Agora Sá, que vive boa fase no circuito, e Guccione aguardam o duelo entre Pablo Carreno Busta/Federico Delbonis e Lukasz Kubot/Leander, que formam a dupla cabeça de chave número dois da competição - Kubot foi campeão do Torneio de Viena ao lado de Marcelo Melo, no domingo.

SUÍÇA - Depois de vencer em Viena com Kubot, Marcelo Melo se inscreveu para disputar o Torneio da Basileia nesta semana, ao lado do seu parceiro habitual, o croata Ivan Dodig. No entanto, desistiu nesta segunda-feira depois de uma maratona de três títulos consecutivos no circuito - antes de ser campeão em Viena, venceu em Tóquio e Xangai nas duas semanas anteriores.

Os títulos garantiram ao brasileiro pontos suficientes para se tornar o número 1 do ranking individual de duplas na atualização a ser feita no dia 2 de novembro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.