Biotecnologia brasileira na Colômbia

A empresa Bioembryo, de Bauru (SP), inaugurou mais um laboratório no exterior, desta vez na cidade de Cartagena de Índias, na Colômbia. O objetivo da empresa no país vizinho é trabalhar para aprimorar o gado classificado como segundo melhor da América Latina, atrás apenas do Brasil. ''Os criadores colombianos vêem na tecnologia da FIV uma excelente ferramenta para elevar a produção de carne e, principalmente, de leite na Colômbia'', acredita o presidente da empresa, Walt Yamazaki.

O Estado de S.Paulo

23 de julho de 2008 | 01h46

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.