Blitz autua 19 motoristas por embriaguez em SP

Cerca de 160 pessoas passaram pelo teste; nenhuma tinha níveis de álcool acima de 0,30 mg

Ricardo Valota, estadao.com.br

06 de dezembro de 2008 | 13h09

Um total de 19 motoristas foram atuados por embriaguez ao volante entre a noite deste sábado, 6, e a madrugada de domingo, 7, intervalo no qual a Polícia Militar realizou blitz da lei seca no Sacomã, Ipiranga e Saúde, na zona sul, e Freguesia do Ó, Imirim e Tucuruvi, na zona norte da capital paulista. Foram submetidas ao teste do bafômetro 160 pessoas. Como nenhuma se recusou a fazer o teste nem apresentava mais que 0,30 mg de álcool por litro de ar expelido, ninguém foi encaminhado ao Distrito Policial da região.Pela lei, quem for pego com índice entre 0,1 a 0,30 mg paga uma multa de R$ 957,20 e corre o risco de ter a carteira de habilitação suspensa de 12 a 24 meses. Acima de 0,3 mg, além de pagar a multa e correr o risco de perder a habilitação, o infrator é levado para a delegacia, responde criminalmente, podendo pegar uma pena que varia de 6 meses a 3 anos, além de só ser liberado para responder em liberdade após pagar uma fiança de R$ 300 a R$ 1.200.

Mais conteúdo sobre:
lei secablitzSão Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.