Bombas sugam 400 mil litros d'água em 1 dia

A Prefeitura e o Departamento de Águas e Energia Elétrica (DAEE) começaram ontem a usar bombas e caminhões para absorver a água de áreas alagadas há duas semanas. A primeira via a receber o serviço foi a Rua Capachós, no Jardim Romano. Os técnicos esperam deixar a via seca até o meio-dia de hoje. Ontem, estimava-se que as bombas sugariam 400 mil litros d"água. "A água baixou em alguns pontos e podemos trabalhar em locais específicos e transferir a água para outros já secos'', diz o subprefeito Milton Persoli.

Renato Machado, O Estadao de S.Paulo

21 Dezembro 2009 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.