Brasil desenvolve novo fármaco contra tuberculose

Um novo fármaco desenvolvido por pesquisadores brasileiros, em parceria com universidades chilenas e americanas, será apresentado hoje como alternativa no tratamento de doenças infecciosas, entre elas a tuberculose. A divulgação será feita no 3º Fórum Mundial Stop TB, evento que acontece no Rio até amanhã e reúne especialistas para discutir o combate à doença no mundo.

AE, Agencia Estado

24 de março de 2009 | 07h50

Segundo experimentos feitos em animais e estudos preliminares em seres humanos, a substância, chamada P-Mapa, ajuda a reconstruir o sistema imunológico atingido por tumores, vírus ou bactérias, agindo como um imunomodulador. Essa propriedade foi testada pelo Instituto Emílio Ribas e pelo Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas dos Estados Unidos, em 2007.

No caso da tuberculose, provocada por um bacilo transmitido pelo ar, essa capacidade regeneradora potencializaria o efeito dos medicamentos atualmente prescritos - normalmente uma combinação de drogas usadas por seis meses (mais informações nesta página). Com a substância, segundo as pesquisas indicam, seria possível reduzir os medicamentos, as doses e a duração do tratamento, recuperando as lesões nos pulmões que caracterizam a doença. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Mais conteúdo sobre:
saúdetuberculose

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.