Brasileiros voltam mais ao Estado de origem

Os brasileiros migraram menos e voltaram mais a seus Estados de origem no período 2005/2010 na comparação com 1995/2000.

RIO, O Estado de S.Paulo

28 Abril 2012 | 03h07

No primeiro intervalo, 5.196.093 pessoas mudaram de Estado, contra 5.018.898 no segundo - uma queda de 177.195 pessoas. A redução também foi acentuada na conta por mil brasileiros: de 30,6 para 26,3 pessoas por mil emigrantes (a população aumentou 12% de 2000 a 2010).

A Região Sudeste, que no passado exercia atração mais intensa sobre migrantes de áreas mais pobres do País, teve diminuição no volume de imigrantes e imigrantes. Em números absolutos, São Paulo foi o Estado que apresentou, em 2005/2010, maior saldo migratório (imigrantes menos emigrantes) em todo o País. Recebeu 1.093.853 pessoas, mas "exportou" 788.411 - a diferença foi de 305.441. No quinquênio 1995/2000, o saldo ficou em 339.926 pessoas. / L.N.L. e W.T.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.