Bric quer reforma rápida das instituições financeiras--fonte

Os países que formam o Bric --Brasil, Rússia, Índia e China-- devem fazer um apelo por rapidez na reforma das instituições financeiras internacionais para dar aos países em desenvolvimento maior influência, de acordo com o esboço do comunicado final da segunda cúpula do bloco.

REUTERS

15 de abril de 2010 | 20h36

Segundo uma fonte do governo brasileiro que teve acesso ao esboço, o documento deverá reforçar o papel central do G20 na reforma financeira global e pedirá a implementação das medidas acertadas pelo G20 em Londres.

(Reportagem de Ray Colitt)

Tudo o que sabemos sobre:
BRICDRAFT*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.