Britânica ganha indenização por tombo em aeroporto

Empresária alega que fratura no pé fez com que ela não pudesse mais usar salto alto.

Da BBC Brasil, BBC

16 de outubro de 2008 | 19h03

Uma empresária britânica ganhou uma ação na Justiça contra uma empresa de limpeza depois de ter tomado um tombo em uma poça d'água no aeroporto de Stansted, no norte de Londres, e sofrer problemas na bacia, no joelho e uma fratura no pé direito.Tina Knight, de 66 anos, alega que a fratura fez com que ela não pudesse mais usar sapatos de salto. A empresária diz ter uma coleção de 200 sapatos de salto alto.O tribunal de Cambridge County havia dado ganho de causa a Knight em junho deste ano, quase três anos depois do acidente e, na última quarta-feira, rejeitou a apelação da empresa de limpeza Rentokil Initial Facilities Services, que foi responsabilizada pelo acidente."Adoro usar sapatos de salto alto", disse Knight, em uma declaração ao tribunal. "Eu tenho cerca de 200 pares, mas não posso mais usá-los."Negócio perdidoA empresária voltava de uma viagem de negócios no Chipre quando ocorreu o acidente, na área do aeroporto em que os passageiros recolhem sua bagagem.Knight diz que estava prestes a iniciar um negócio no Chipre quando ocorreu o acidente e quer receber dezenas de milhares de libras em indenização pelos ferimentos e perdas financeiras durante as semanas em que ficou longe do trabalho por causa do tombo.Ao dar ganho de causa para a empresária, o juiz declarou que o sistema de limpeza era "inadequado", porque faltou uma "inspeção adequada" na áera de coleta de malas.O advogado da empresa de limpeza argumenta que o veredicto foi "equivocado" porque impôs um "padrão de cuidado muito alto" para a Rentokil.Segundo o advogado, houve apenas cinco acidentes em todo o ano de 2005, e o juiz deveria ter percebido, por essa estatística, que o sistema de limpeza é "razoável".Segundo a imprensa britânica, Knight disse que entrou com a ação "por uma questão de princípios" e que agora sente que a justiça foi feita.Se as duas partes não entrarem em um acordo, um tribunal vai estipular a quantia a ser paga em uma futura sessão. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Tudo o que sabemos sobre:
geralsalto altoacidentejustiça

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.