Zoológico de Edimburgo/BBC
Zoológico de Edimburgo/BBC

Britânicos criam 'túnel do amor' para tentar acasalamento de pandas

Zoológico escocês virou tema de notícia e piada no país, onde a espécie nunca procriou

BBC

04 Abril 2012 | 06h00

Um zoológico britânico está fazendo um grande esforço para conseguir despertar a chama da paixão entre dois de seus moradores mais famosos.

Os administradores do zoológico de Edimburgo querem que seus dois pandas gigantes acasalem. A tarefa tem se provado complicada. As pandas fêmeas só ovulam uma vez por ano e por um período de 36 horas. Caso seja perdida esta janela de oportunidade, os pandas só poderão ter chance de se reproduzir de novo no próximo ano.

Os pandas Yang Guang (macho, cujo nome significa "raio de sol") e Tian Tian (a fêmea, ou "docinho" em português) já estiveram juntos em cinco ocasiões no chamado "túnel do amor" do zoológico, usado para dar maior privacidade aos animais. Mas até agora todas as tentativas fracassaram. Nesta quarta-feira, eles serão colocados novamente no "túnel do amor".

Os dois pandas foram um empréstimo da China à Grã-Bretanha. Os chineses, que possuem diversos pandas, emprestam alguns animais para zoológicos pelo mundo, às vezes cobrando até mesmo uma taxa, já que os animais são muito populares. Eles chegaram ao zoológico escocês em dezembro.

"Quando eles foram colocados na mesma jaula, eles brigaram bastante, mas de uma forma positiva", disse a porta-voz do zoológico à BBC. "Antes de a jaula ser aberta, Tian Tian estava soltando gritos agudos e as patas deles estavam contra a jaula. A linguagem corporal é bastante animadora. Yang Guang respondeu de forma bastante promissora."

O zoológico disse que não pretende usar inseminação artificial, caso as tentativas fracassem. A gravidez de um panda dura entre 85 e cem dias.

Piadas e nacionalidade

O caso dos pandas que não estão conseguindo se reproduzir ganhou as manchetes dos jornais e virou até alvo de algumas piadas. "Desculpa, mas o momento passou... a paixão dos pandas secou", diz a reportagem do jornal The Daily Telegraph desta quarta-feira. O jornal chegou a escrever um editorial dizendo que "a nação está com os dedos cruzados, esperando que o casal desempenhe o seu papel". Segundo o jornal, até mesmo a "Panda Cam", uma câmera que acompanha todos os movimentos dos animais, foi desligada.

A Radio 6, da BBC, pediu aos seus ouvintes sugestões de músicas românticas para o acasalamento de pandas ao longo da terça-feira.

Já o The Guardian se debruçou sobre outro problema: o da nacionalidade do filhote. Segundo o jornal, o filhote terá um "passaporte chinês", e voltará à China quando completar 30 meses de idade.

 

BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.