Britânicos encontram golfinho morto no jardim

Animal de quase um metro tinha duas perfurações e pode ter sido deixado no local

Da BBC Brasil, BBC

18 de julho de 2008 | 09h42

Dois engenheiros da Marinha britânica encontraram um golfinho de quase um metro morto no jardim da casa que dividem na região de Dorset, no litoral. Gary Harvey, 23 anos, e Mike Elliott, 28, moram em uma colina a pouco mais de 800 metros do mar, em Portland. "Olhei pela janela para ver como estava o tempo e vi (o golfinho). Não fazia idéia do que era", disse Harvey. "Desci para olhar de perto e vi que era um golfinho ou um boto, de quase um metro." "Para ser honesto, no começo pensei que era um enfeite de jardim ou algo assim, mas quando cheirei e vi seus dentes, percebi que era um golfinho de verdade", acrescentou. Harvey contou ao jornal local Dorset Echo que, depois de tentar, sem sucesso, erguer o golfinho, foi até a polícia para relatar o caso. O golfinho parecia ter dois ferimentos, perfurações, no estômago, como se tivesse sido atingido por um arpão. Piada? "Quando vi, fiquei um pouco assustado - não é algo que você espera ver todo dia", afirmou Mike Elliot. Elliot conta que a aparição do golfinho poderia ser algum tipo de "piada de mau gosto". "É muito triste alguém fazer uma coisa destas", afirmou. Gary Harvey afirmou que não ocorreu nenhuma onda mais forte e a casa deles fica a pouco mais de 800 metros do mar, acima do nível do mar então, ele acredita que o golfinho foi colocado no jardim. A polícia fez interrogatórios nas casas vizinhas, mas afirmou que não havia provas de crime. Autoridades do setor ambiental e de saúde de Portland foram chamadas e retiraram o animal da cada, para fazer exames. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.