Butcher's Market avança para o celeiro

Muita espera, queixas de vizinhos pelo barulho, cozinha pequena. Esses três fatores levaram à abertura do Barn ("celeiro"), o segundo andar do Butcher's Market, que começa a funcionar amanhã, no mesmo endereço, segundo andar. Com clima de casa de campo inglesa, móveis e quadros comprados em antiquários de Nova York, o Barn tem 30 lugares e recupera o projeto original do Butcher's.

O Estado de S.Paulo

07 Junho 2012 | 04h24

A vontade do dono do Butcher's, Ryan Kim, era ter um restaurante de comida americana, mas isso não cabia na cozinha. Com a anexação do andar superior, Kim fez a cozinha do tamanho que queria. O foco é o steak. Rosado, com batatas fritas (e molho de espinafre, no caso do filé mignon, R$ 53). O novo menu - ampliado - será o mesmo para os dois andares.

Kim nasceu na Coreia do Sul e, aos 15 anos, foi para os EUA. A trajetória reflete no menu, como no sanduíche Rosemary Pulled Pork Kimchi, de carne de porco com a conserva coreana (R$ 31). A empresa de consultoria Ugly Original, que tem com o primo, Jae Kim, fez a reforma do Ici Bistrô. E para o ano que vem, Ryan planeja um novo Butcher's, no Jardins. /HELOISA LUPINACCI

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.