Calcinha japonesa 'anti-tarado' bloqueia raio infravermelho

Batizada de ShotGuard, a peça íntima é vendida por US$ 17 cada

13 Agosto 2007 | 10h28

A empresa japonesa de equipamentos esportivos Cramer Japan lançou recentemente uma calcinha chamada ShotGuard Inner Shorts. A peça bloqueia raios infravermelhos que transpõem tecidos das calcinhas e mostram as partes íntimas das mulheres.   Veja também:  Japoneses criam assentos 'camaleões', que mudam de cor   A medida pode não fazer muito sentido, mas, de acordo com o site da revista Wired, alguns garotos espertos modificaram a visão noturna de suas câmeras de vídeo para poderem ver através de tecidos e revelar o que há por trás deles.   O tecido de náilon e poliuretano da calcinha criado pela Cramer Japan impede que esses raios passem através do tecido. A empresa japonesa é a pioneira nesse tipo de roupa.   A calcinha foi manufaturada pela empresa Toyobo e é vendida no atacado pela Toyoshima por aproximadamente US$ 17 cada, apenas na cor bege.   Segundo a Wired, o próximo passo da empresa deve ser a criação de um sutiã resistente às pessoas que tentam se aproveitar dos avanços da tecnologia.

Mais conteúdo sobre:
Invenção Japão

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.