Calor leva à remoção de moradores em Chicago

Moradores idosos foram retirados de apartamentos sob blecaute nesta terça-feira, e autoridades pediram que as pessoas poupem energia, enquanto uma onda de calor se espalha pelo leste dos EUA e eleva as temperaturas a níveis recorde. É provável que os termômetros registrem cerca de 38º C em Washington, Nova York e outras cidades da costa leste. às 11h00 da manhã, o termômetro do Central Park, em Nova York, marcava 31º C.Em Chicago, autoridades retiraram cerca de 1.200 moradores - na maioria, idosos - de edifícios sem eletricidade na manhã desta terça-feira, quando a temperatura superou 30º C. O município informa que 20.000 pessoas perderam eletricidade a partir do anoitecer de segunda-feira.Cerca de 400 dos removidos mais fragilizados foram levados a hotéis, 75 em alojamentos da Universidade de Illinois e os demais, ao Centro de Convenções McCormick Place, disse Cortez Trotter, principal encarregado de emergências de Chicago. Fazendeiros de Ohio apelaram para ventiladores e duchas geladas para manter os animais refrescados. Garrafas de água congelada foram colocadas perto dos coelhos da Feira Municipal Auglazie, em Wapakoneta.

Agencia Estado,

01 de agosto de 2006 | 16h05

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.