Câmera de vídeo flagra rinoceronte raro e é atacada

Espécie corre risco de extinção e foi filmada pela primeira vez na Indonésia.

Da BBC Brasil, BBC

29 de maio de 2008 | 15h20

Dois rinocerontes de uma das espécies mais raras do mundo foram filmados pela primeira vez por uma câmera de vídeo instalada nas selvas do Parque Nacional Ujung Kulong, em Java, na Indonésia.Mas ao ver a câmera, a fêmea, que estava acompanhada pelo filhote, atacou a câmera, que voou longe.Os rinocerontes-de-java correm risco de extinção. Estima-se que restam apenas entre 60 e 70 animais da espécie na natureza.Um porta-voz do grupo ambientalista WWF diz que as imagens capturadas pela câmera dão uma idéia do comportamento dos animais no habitat natural.Stephen Hogg, que projetou as câmeras e também é membro do WWF, afirma que o ataque do rinoceronte contra a câmera foi inesperado."Usamos câmeras que funcionam com luz infravermelha justamente para não assustar os animais quando as câmeras são ativadas", contou Hogg.Os rinocerontes-de-java podem ser encontrados em apenas dois lugares. Um deles é o Parque Nacional Ujung Kulong, que fica na ilha. O parque abriga 90% da população total da espécie.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.