Caminhão atinge trem da CPTM em Itapevi

Caminhoneiro, aparentemente bêbado, ignorou o bloqueio e atingiu o primeiro vagão do trem; dois ficam feridos

Ricardo Valota, do estadao.com.br,

11 de setembro de 2010 | 07h27

Um caminhão bateu na lateral do primeiro vagão de um trem da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) numa passagem de nível da linha 8 - Diamante (Itapevi - Júlio Prestes), próximo à estação Engenheiro Cardoso, em Itapevi, na divisa com Jandira, região oeste da Grande São Paulo. No momento do acidente, o trem seguia em direção à estação Júlio Prestes, no centro da capital, e a cancela estava abaixada, mas o caminhoneiro, aparentemente bêbado, ignorou o bloqueio.

Bombeiros de Barueri foram acionados, mas ao chegarem no local, o caminhoneiro e o maquinista - com fraturas nas pernas e algumas escoriações - já haviam sido encaminhadas pelo Serviço de Atendimento Médico de Urgência (SAMU) para o Hospital Geral de Itapevi. Segundo a assessoria de imprensa da CPTM, a passagem de nível fica a cerca de 20 metros da estação e os passageiros conseguiram deixar a composição e seguiram a pé até a estação.

As operações na linha 8 ficaram prejudicadas entre as 22h50 e meia-noite, quando os trens param de circular e, desde as 4 horas deste sábado, os passageiros realizam o trajeto entre as estações Jandira e Itapevi por meio do Plano de Apoio entre Empresas em Situação de Emergência (Paese), com 40 ônibus da Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU). Equipes de manutenção da CPTM ainda trabalham na linha férrea para que tudo esteja restabelecido o mais rápido possível.

Tudo o que sabemos sobre:
acidentetremCPTM

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.