Caminhoneiros de MT liberam trânsito de BRs-364 e 163

Os caminhoneiros de Mato Grosso liberaram o trânsito por volta das 17 horas desta quarta-feira nas pistas das Rodovias BRs-364 e 163. O movimento no Estado durou três dias. A suspensão aconteceu após os manifestantes receberem da Polícia Rodoviária Federal (PRF) a decisão da Justiça Federal, em caráter liminar, proibindo interdições nas estradas federais que cortam o País. Os caminhoneiros mantém o bloqueio da MT-407, mais conhecida como Rodovia dos Imigrantes.

FÁTIMA LESSA, ESPECIAL PARA A AE, Agência Estado

03 de julho de 2013 | 19h18

De acordo com a assessoria da PRF, na MT-407, o congestionamento atingiu mais de 20 quilômetros. O Sindicato dos Motoristas de Cuiabá e Região anunciou que as manifestações agora têm prazo para encerrar. A expectativa é que a rodovia seja liberada na manhã desta quinta-feira, 4, quando completará 72 horas de paralisação.

O presidente do sindicato, Ledevino da Conceição, disse que veículos de passeio, ônibus, ambulâncias, automóveis oficiais e com cargas vivas e congeladas não estão impedidos de seguir viagem. Não passam veículos de carga, como carretas e caminhões. A Rodovia dos Imigrantes, com, aproximadamente, 28 quilômetros de extensão, fica no entroncamento com as Rodovias BR-070, 163 e 364, em Cuiabá, está em processo de federalização. Segundo a Secretaria Estadual de Transporte e Pavimentação Urbana, somente depois da conclusão do processo é que a rodovia deve ser recuperada.

Mais conteúdo sobre:
ProtestoscaminhoneirosMT

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.