Candidato do partido governista é eleito presidente da Bulgária

O candidato do partido governista GERB, Rosen Plevneliev, venceu a eleição presidencial da Bulgária com 52,5 por cento dos votos, segundo os resultados oficiais preliminares nesta segunda-feira.

REUTERS

31 de outubro de 2011 | 08h52

O oponente de Plevneliev, o socialista Ivailo Kalfin, obteve 47,4 por cento dos 98 por cento de votos já contados da eleição de domingo, informou uma porta-voz do comitê eleitoral central.

A vitória vai fortalecer o primeiro-ministro, Boiko Borisov, antes das eleições gerais em 2013 no país mais pobre da União Europeia, que se recupera de uma recessão prolongada que afetou a renda e aumentou o desemprego.

Antes da votação, Plevneliev era ministro de Construção e se tornou mais popular que Borisov graças à construção acelerada de estradas.

"Eu me tornei presidente da Bulgária porque nos últimos dois anos trabalhei para que a sociedade e o povo vissem um novo tipo de política", afirmou Plevneliev à emissora estatal BNT, prometendo entregar "resultados concretos".

O engenheiro de 47 anos vai substituir o atual presidente Georgi Parvanov, um socialista. Apesar de o cargo ser amplamente cerimonial, o presidente tem poder de vetar propostas ou nomeações feitas pelo gabinete.

A pequena margem entre Plevneliev e Kalfin, contudo, sinaliza que os socialistas estão se recuperando da derrota sofrida em 2009 e muito provavelmente serão os principais rivais do GERB na próxima eleição geral.

(Reportagem de Irina Ivanov)

Mais conteúdo sobre:
BULGARIAPRESIDENCIARESULTADO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.