Candidatos disputam 11 mil vagas na 1ª fase da Fuvest

Começou às 13 horas deste domingo, 25, a primeira fase do vestibular da Fuvest, que neste ano selecionará 10.982 alunos para a Universidade de São Paulo (USP) e outros 100 para o curso de Medicina da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo. Mais de 159 mil estudantes estão inscritos para o exame.

EQUIPE AE, Agência Estado

25 de novembro de 2012 | 14h42

Em diversas cidades do estado não faltaram casos de candidatos que perderam a prova, por diferentes motivos.

Em Sorocaba, a estudante Bruna Regina de Albuquerque, de 18 anos, errou o local. Ela achou que deveria prestar o vestibular no prédio da Universidade Paulista (Unip), mas ao chegar no lugar percebeu que estava inscrita para fazer o exame na Universidade de Sorocaba (Uniso). Os campus ficam a uma distância de 10 quilômetros um do outro.

Já a candidata Gabriela Moraes de Freitas pode ter sido vítima de erro da organização. Seu nome não aparecia na lista, mas ela mostrou um documento que indicava que ela estava inscrita para fazer a prova no campus da Unip, sala 4, lugar 34. "Tenho certeza que o erro foi da Fuvest e vou recorrer", disse.

Maratona

Os irmãos Matheus, de 19 anos, e Lucas Romero Galvão Silva, de 17, enfrentaram duas viagens de ônibus para fazer juntos a prova da primeira fase da Fuvest, neste domingo, em Sorocaba. Na companhia da mãe, a aposentada Aparecida Lucia Romero, eles saíram de casa, em Pereiras, a 167 km de São Paulo, às 5h30 para pegar um ônibus intermunicipal.

Em Sorocaba, tiveram de tomar um coletivo do transporte público para seguir da rodoviária ao local da prova, o campus da Universidade Estadual Paulista (Unip) no distrito industrial, onde chegaram antes das 9 horas - o portão só abriria às 12h30.

"Viemos cedo para não correr risco", disse Matheus. Ele quer cursar Engenharia Química da Universidade Federal de São Carlos (Ufscar). O irmão Lucas pretende estudar Química na Universidade de São Paulo (USP). Ambos fizeram o último Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) com aproveitamento na faixa dos cem pontos. Também prestaram, este ano, os vestibulares da Universidade Estadual Paulista (Unesp) e da Unicamp. "Eles estão focados nos estudos e eu dou todo incentivo", diz a mãe, que acompanha os filhos em todos os vestibulares.

Tudo o que sabemos sobre:
vestibularSão PauloFuvest

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.