Candidatos não conseguem fazer prova da Caixa Econômica Federal

O Centro de Seleção e de Promoção de Eventos (Cespe), da Universidade de Brasília, não conseguiu aplicar a prova do concurso da Caixa Econômica Federal para nível médio, ontem à tarde, na Universidade Veiga de Almeida (UVA), no Rio de Janeiro, e nas Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU), em São Paulo.

, O Estado de S.Paulo

10 de maio de 2010 | 00h00

Segundo o órgão, vários candidatos apresentaram-se nos locais errados, causando tumulto e inviabilizando exame.

"Não foi possível aplicar as provas nessas escolas tendo em vista que candidatos que fariam provas em outros locais compareceram erroneamente às escolas citadas e impediram, mediante tumulto, a realização das provas, apesar dos esforços das equipes locais", afirma nota divulgada pelo Cespe.

Nos demais locais a aplicação das provas correu normalmente.

O Cespe informou ainda que será aberta uma investigação para apurar por que os candidatos erraram o local da prova.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.