Cardeal indenizará vítimas de pedofilia

A arquidiocese de Los Angeles, o seu ex-líder, cardeal Roger

O Estado de S.Paulo

13 de março de 2013 | 10h11

Mahony, e um ex-padre pagarão US$ 10 milhões em um acordo extrajudicial para indenizar quatro vítimas de abuso sexual.

     Mahony, que se aposentou em 2011 como chefe da maior arquidiocese americana, está em Roma para votar no conclave. Ele é acusado de ajudar o padre pedófilo a fugir da lei, enviando-o para um centro de tratamento e, após, o readmitindo em outra paróquia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.