Carême Bistrô encerra atividades no Rio

O Carême Bistrô, da chef Flávia Quaresma, serviu seu último jantar no sábado passado. "Não foi fácil fechar o restaurante. Demorei um ano para tomar essa decisão. Mas não sentia o mesmo prazer de antes, cada vez mais envolvida em outros projetos", conta. Atualmente Flávia presta consultorias, dá aulas de culinária, participa de eventos em todo o País e está às voltas com dois novos livros: Saboreando Mudanças (versão masculina da obra lançada em 2004 dedicada às mulheres), que deve chegar às livrarias em agosto, pela editora Senac; e outro sobre os franceses macarons.

O Estado de S.Paulo

21 Maio 2009 | 02h22

"Entrei em crise quando fiz 40 anos (hoje ela tem 42). E senti que era a hora de mudar, de curtir mais a vida. Quero fazer coisas que mexam com as pessoas e me emocionem", diz Flávia. O primeiro plano é viajar para o Marrocos e depois seguir para Paris, onde ficará hospedada na mesma casa em que morou por dois anos, quando estudou na Le Cordon Bleu, no início dos anos 1990. "Quero voltar às origens e, depois, canalizar a adrenalina do restaurante em estudos, projetos, escrever mais", diz. A chef se despede da equipe do Carême hoje, com um jantar, a portas fechadas, feito a muitas mãos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.