Carga de isqueiros explode e fere 4 na fronteira com Paraguai

Hospital Costa Cavalcanti, em Foz do Iguaçu, não deu informações sobre brasileiro da Receita Federal ferido

Evandro Fadel, O Estado de S.Paulo

16 de maio de 2008 | 17h16

Quatro pessoas ficaram feridas em razão da explosão de um contêiner carregado com 1.400 caixas de isqueiros, na manhã desta sexta-feira, 16, no pátio da Área de Controle Integrado, em Ciudad del Este, no Paraguai. Um dos feridos é o fiscal da Receita Federal no Brasil Celso Martinez. A Central de Informações do Hospital Costa Cavalcanti, em Foz do Iguaçu, disse que somente poderia dar informações sobre o paciente aos familiares. Um representante da transportadora do contêiner também está no Costa Cavalcanti. Dois ajudantes de cargas paraguaios foram levados para hospital no Paraguai. No pátio, que fica próximo à Ponte da Amizade, servidores dos dois países trabalham juntos na conferência de mercadorias. A carga foi descarregada no Porto de Paranaguá e ia para o Paraguai. O contêiner ficou bastante deformado em razão do calor provocado pela explosão e fogo. A causa ainda está sendo analisada pelas autoridades.

Mais conteúdo sobre:
Ciudad del EsteacidentePF

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.