Carnaval 2008: venda de ingressos se intensifica em SP

A venda de ingressos para os desfiles do Grupo Especial do Carnaval de São Paulo se intensificou nos últimos dias: de sexta-feira à noite até o fim da tarde de hoje foram vendidos cerca de 4.600 entradas - um terço de todos bilhetes vendidos desde 3 de dezembro, primeiro dia de comercialização. No total, cerca de 33% dos 42 mil bilhetes ofertados já foram comprados, segundo informa a Ingresso Fácil, empresa que realiza as vendas. Os desfiles acontecem no dia 1º de fevereiro (sexta-feira), a partir das 23h15, e no dia 2 (sábado), a partir das 22h30. Foram colocados à disposição do público 21 mil ingressos para cada dia. Os preços variam entre R$ 40,00 (arquibancada setor E) e R$ 32 mil (camarote especial para 25 pessoas). Ainda há ingressos para todos os setores do Sambódromo.A expectativa da São Paulo Turismo (SPTuris) é de que este ano compareçam ao Sambódromo cerca de 140 mil espectadores, sendo 90 mil pessoas nos três dias de desfiles do Grupo Especial (o terceiro dia é o das campeãs) e 50 mil pessoas no dia de desfiles do Grupo de Acesso e nos dois dias em que saem os blocos e escolas da União das Escolas de Samba Paulistanas (Uesp). A empresa municipal de turismo espera ainda que o carnaval injete cerca de R$ 40 milhões na economia da cidade.Os ingressos para o Sambódromo estão à venda pela internet (www.ingressofacil.com.br) ou pelo telefone (11) 2162-7250. Foram abertos ainda 11 pontos de venda, que incluem, além do Sambódromo, no Anhembi, os estádios do Morumbi, Parque São Jorge, Parque Antártica, Canindé, Pacaembu e José Bruno Daniel (Santo André), e os ginásios do Ibirapuera e José Corrêa (Barueri). Os pontos funcionam de segunda a sábado, das 11 às 17 horas. Aposentados, estudantes e professores de escola pública têm direito a pagar meia-entrada.

DENNIS BARBOSA, Agencia Estado

14 de janeiro de 2008 | 18h24

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.