Casos de sarampo chegam a 15

BRASÍLIA

, O Estado de S.Paulo

14 Junho 2011 | 00h00

O número de casos de sarampo confirmados no País subiu de 11 para 15. As infecções são consideradas importadas, pois todos os pacientes têm o mesmo vírus que circula na Europa, onde há surto. Até agora, a maior concentração da doença ocorre no Rio Grande do Sul, com 5 pacientes diagnosticados neste ano, seguido pelo Rio (4 casos), São Paulo (3), Bahia (1), Mato Grosso do Sul (1) e Distrito Federal (1).

O Ministério da Saúde recomenda que as pessoas com até 39 anos que não foram vacinadas contra a doença tomem a vacina antes de viajar para fora do País. A imunização deve ser feita ao menos 15 dias antes da viagem.

O aumento de casos importados levou o governo a apressar, em vários Estados, o cronograma da campanha de vacinação contra a doença. A cada quatro anos, o ministério faz campanha para imunizar todas as crianças de 1 a 7 anos. Nesses eventos, são convocadas até quem já tomou a vacina de rotina. Tradicionalmente, essas campanhas são programadas para o segundo semestre. Neste ano, porém, nos Estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Minas Gerais, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e São Paulo, a vacinação ocorrerá de 18 de junho a 22 de julho.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.