Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Centenas de estudantes se concentram em Fortaleza

Centenas de estudantes se concentram na Praça Portugal, de onde pretendem sair em passeata para quatro destinos na Aldeota, bairro nobre de Fortaleza. Antes, a ideia era seguir para três locais: Palácio da Abolição (sede do governo do Ceará), Avenida Santos Dumont (centro financeiro) e Avenida Beira-Mar. Mais um destino foi incluído: Assembleia Legislativa do Estado.

LAURIBERTO BRAGA, Agência Estado

20 de junho de 2013 | 17h05

O comércio no entorno da Praça Portugal fechou. São dois shoppings e lojas de rua que resolveram encerrar o expediente mais cedo, com medo de saques. O Movimento Passe Livre (MPL) pretende reunir os manifestantes até ás 19 horas, quando deve começar a saída das passeatas. O Batalhão de Choque está de prontidão na área.

Nesta quinta-feira, o Comando da Polícia Militar (PM) afirmou que, na manifestação desta quarta-feira, 19, realizada pelo Movimento Mais Pão, Menos Circo, onde 30 mil marcharam rumo à Arena Castelão, 50 policiais militares foram feridos. O Sindicato dos Jornalistas do Ceará afirmou em nota que seis profissionais de imprensa foram atingidos. A organização da passeata, que foi reprimida pelos policiais, destacou que mais de cem manifestantes foram feridos pelos PMs com balas de borracha e jactos de pimenta.

Tudo o que sabemos sobre:
ProtestosFortalezaestudantes

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.