Cerca de 23 mil pessoas continuam sem água em SP

Cerca de 23 mil pessoas enfrentavam nesta manhã falta de água ou intermitência na prestação do serviço devido às ocorrências de falta de energia elétrica nas instalações da AES Eletropaulo. O problema foi causado pelo vendaval que atingiu a Grande São Paulo na última terça-feira.

PRISCILA TRINDADE, Agência Estado

10 Junho 2011 | 12h18

A AES Eletropaulo informou que restabeleceu ontem o abastecimento de energia elétrica em todos os pontos afetados pelo ciclone extratropical, em São Paulo. Os ventos derrubaram árvores que atingiram a área de concessão da distribuidora. Na tarde de ontem, as equipes da companhia trabalharam em bairros de Osasco, Vargem Grande, Cotia, Barueri, Itapevi, Mauá, Ribeirão Pires e Itapecerica da Serra.

Entre os moradores afetados pela falta de água, 20 mil são de bairros em Itapevi, Cotia e Vargem Grande Paulista, na região metropolitana. Os demais 3 mil residem em Embu Guaçu, região do Cipó, na Grande São Paulo. A previsão de normalização é no decorrer do dia de hoje até a próxima madrugada. Caso de emergências devem ser comunicados pelo telefone 195.

Mais conteúdo sobre:
vendaval energia elétrica abastecimento SP

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.