Cerca de 30 imigrantes são encontrados mortos em barco perto da Sicília

Cerca de 30 imigrantes foram encontrados mortos em um barco lotado de pessoas perto da costa da Sicília, informou a Marinha da Itália, que resgatou outros milhares que tentavam no fim de semana cruzar o mar vindos do norte da África.

REUTERS

30 de junho de 2014 | 07h35

A Marinha acredita que eles morreram por afogamento ou asfixiados no barco pesqueiro superlotado.

A descoberta dos corpos no domingo evidenciou a escala da crise nas águas ao sul do Mediterrâneo, onde centenas de pessoas morreram na perigosa travessia para a Europa, e outras dezenas de milhares foram resgatadas de barcos precários.

Mais de 5.000 pessoas foram resgatadas no fim de semana, o que eleva para 50.000 o número de imigrantes que chegaram à Itália este ano vindos do norte da África, muitos fugindo da guerra e da convocação forçada para o Exército.

(Reportagem de Isla Binnie)

Tudo o que sabemos sobre:
ITALIAIMIGRANTES

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.