Chávez acusa Colômbia de querer provocar guerra

Venezuelano diz que Uribe tenta fomentar guerra para atrair intervenção americana.

Da BBC Brasil, BBC

12 de maio de 2008 | 06h45

O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, acusou a Colômbia de tentar provocar uma guerra contra o seu país, para justificar uma intervenção armada dos Estados Unidos na região.No seu programa semanal de televisão Alô Presidente, no domingo, Chávez disse que o presidente americano, George W. Bush, estaria tentando tirá-lo do poder baseado nas acusações de que a Venezuela tem relações com os rebeldes colombianos das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc)."Eu alerto o continente, o povo venezuelano e o Exército venezuelano sobre a intenção da Colômbia de provocar uma guerra entre nós", disse Chávez, no programa.Chávez disse que as recentes alegações publicadas pela imprensa internacional de que a Venezuela tem enviado ajuda às Farc são "ridículas".ComputadorAs alegações feitas pela imprensa são baseadas em documentos supostamente encontrados pelas autoridades colombianas no computador de Raúl Reyes, um dos altos líderes das Farc, morto em março.Os documentos indicam que a Venezuela estaria se preparando para repassar mísseis aos guerrilheiros. Além disso, o governo de Chávez estaria promovendo o treinamento de guerrilhas para o caso de uma invasão americana na região.Chávez acusa o presidente colombiano Álvaro Uribe de, em conspiração com Bush, falsificar documentos do computador do líder das Farc."É absolutamente ridículo. Mas é preciso ter cuidado", disse o presidente venezuelano."Por que assim como Bush inventou que Saddam Hussein tinha armas de destruição de massa - e dizia que tinha um computador que comprovava isso - agora buscaram outro computador para dizer que aqui, na Venezuela, estamos apoiando o terrorismo, que Chávez está entregando milhões de dólares às Farc, milhares de fuzis, armamentos, bombas - para quê? Estão procurando desculpas para eliminar Chávez."Nesta quinta-feira, a rede internacional de polícia Interpol divulgará um relatório sobre os dados encontrados no computador de Raúl Reyes.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.