China alerta para perigo de mutação de vírus de computador

Os internautas devem ter cuidado com uma nova mutação do vírus Xiongmao Shaoxiang ("o panda que queima varinhas de incenso"), que enche de ursos panda as telas dos computadores chineses, informou nesta quarta-feira, 21, a agência estatal de notícias Xinhua. A Plataforma de Serviços de Segurança e Informação de Xangai, citada pela Xinhua, informou que a nova forma de vírus pode infectar tanto executáveis quanto arquivos em páginas da internet, além de destruir dados no disco rígido, propagar-se pelas redes locais e, finalmente, destruir toda a rede. O vírus infectou milhares de computadores nas últimas semanas. Seus autores foram detidos e as autoridades tentam criar um antídoto eficiente o mais rápido possível. No entanto, é possível que uma mutação do vírus ataque os mundos virtuais, porque seu código-fonte foi vendido. Uma recompilação poderá se revelar ainda mais devastadora. A mutação pode explodir a qualquer momento. O vírus foi classificado como nível A (o mais perigoso) no relatório de uma das principais companhias antivírus do país, a Jiangmin. Os celulares também são alvo de diversos vírus, principalmente durante as celebrações do Ano Novo Lunar, nas quais o envio de mensagens de texto (SMS) alcança um dos níveis mais altos do ano na China.

Agencia Estado,

21 Fevereiro 2007 | 12h33

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.