China combate caranguejos 'falsificados'

Associação de criadores inventa etiquetas numeradas para garantir procedência de crustáceos.

BBC Brasil, BBC

10 de outubro de 2011 | 13h48

Uma associação de criadores decidiu tentar colocar um ponto final na "falsificação" dos caranguejos-peludos da China.

Os crustáceos são um prato tradicional da cozinha de Xangai.

Saborosos, são grandes até no preço: um exemplar graúdo pode custar o equivalente a até R$ 80.

Os mais nobres são os criados no lago Yangcheng, mas outros de procedência menos nobre têm aparência semelhante.

Por isso, empresários da região começaram a marcar os seus caranguejos com números de série, nome e telefone das empresas.

Os produtores acreditam que a estratégia vai mudar a situação.

Mas muitos consumidores preferem as opções mais baratas de outras procedências.

A temporada de pesca dos caranguejos peludos da China é curta. Eles são encontrados apenas entre setembro e novembro. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.