China promete completar sonda lunar em fevereiro

O primeiro satélite de prospecção lunarchinês, o Chang´e 1, ficará pronto em fevereiro de 2007, para serlançado no mesmo ano, segundo o jornal Beijing Daily.O chefe do programa de investigação lunar, o cientista OuyangZiyuan, anunciou que sua equipe conseguiu um progresso notável nodesenvolvimento da tecnologia fundamental do projeto, que começou em2004. O dispositivo fornecerá imagens em três dimensões da superfícielunar e estudará a concentração e distribuição de 14 elementos úteis no solo da Lua. Além disso, a sondafará uma varredura do espaço entre a Terra e seu satélite.O projeto continuará em 2012 com uma série de experimentos acargo de um veículo não tripulado de seis rodas, e pouco mais deum metro de altura. O veículo, desenvolvido pela Academia Chinesa de TecnologiaEspacial, enviará dados à Terra e será conduzido por controleremoto.Na terceira e última fase do projeto, que encerrará, segundo ocronograma, em 2017, um módulo extrairá um pedaço da superfícielunar e o trará para a Terra. A Índia também planeja enviar uma sonda à Lua em 2007, a Chandrayaan.A agência espacial americana, Nasa, prevê um retorno de astronautas à Lua até 2020. O programa de exploração espacial da Agência Espacial Européia (ESA), o Aurora, também prevê novas visitas ao satélite natural da Terra.

Agencia Estado,

29 de novembro de 2006 | 13h56

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.