Chip pré-pago é solução para viajar em grupo

Quem já viajou com a família ou um grupo de amigos sabe bem. Tem sempre alguém que quer fazer um passeio diferente, o grupo se divide e depois é uma luta para todo mundo se encontrar. Isso sem contar quando alguém se perde. O celular é uma alternativa para acabar com as discussões frenéticas – e com freqüência desagradáveis – que surgem nessas situações. O grupo pode se separar numa boa e, quando quiser se reunir, basta apelar para o telefone móvel. Para não gastar uma ligação internacional para fazer uma chamada local, dentro da mesma cidade, a solução é comprar dois ou três chips pré-pagos assim que desembarcar no aeroporto. Com o chip no celular, você tem um número local e alguns dólares para gastar como quiser, ligando, mandando mensagens ou navegando na web. Na maioria dos países da Europa e nos Estados Unidos, é possível comprar um número pré-pago sem assinar contratos de longa duração. Para usar o chip no seu celular, o telefone precisa estar desbloqueado, o que pode ser feito no Brasil antes da viagem. Outra opção é comprar um aparelho baratinho junto com o chip. Dependendo do país, sai mais em conta ligar para o Brasil usando essa linha. E é com certeza mais barato receber ligações porque você não terá a cobrança da operadora brasileira. Nesse caso, a ligação internacional será paga por quem ligar do Brasil. Quem viaja em grupo e não quer comprar um chip, o jeito mais barato de se comunicar com os parceiros é via mensagens SMS. F.S.

30 Junho 2008 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.