Chuva e neblina atrapalham aeroportos no País

O mau tempo está atrapalhando as operações de pousos e decolagens de alguns aeroportos do País na manhã de hoje, de acordo com informações da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero).

SOLANGE SPIGLIATTI E PEDRO ROCHA, Agência Estado

17 Outubro 2011 | 07h47

O Aeroporto de Santos Dumont, do Rio de Janeiro, fechou para pousos às 6h35, em razão do mau tempo. As decolagens acontecem com auxílio de instrumentos. A situação era a mesma no Aeroporto Internacional Salgado Filho, em Porto Alegre, que fechou para pousos às 7 horas por conta da neblina.

Os Aeroportos de Congonhas, na zona sul de São Paulo, e de Cumbica, em Guarulhos, operam com ajuda de instrumentos, para pousos e decolagens desde o começo da manhã, em consequência do nevoeiro. Em Minas Gerais, o Aeroporto Internacional Tancredo Neves, na região metropolitana de Belo Horizonte, também opera com auxílio de instrumentos.

Em todo o País, entre os 462 voos previstos para decolar até as 7 horas de hoje, 54 apresentaram atrasos de mais de meia hora e 21 foram cancelados.

Vulcão

A companhia aérea Gol cancelou voos programados para Buenos Aires (aeroportos internacionais Ministro Pistarini e Aeroparque Jorge Newbery) e Montevidéu, em razão da nuvem de cinzas do vulcão chileno Puyehue.

A empresa afirmou que já começou a contatar os clientes que tiveram a programação alterada, e que providenciará acomodações sem cobrança e, se os clientes preferirem cancelar a viagem, receberão o reembolso no valor integral dos bilhetes.

Mais conteúdo sobre:
aeroportos voos cancelamentos vulcão tempo

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.