André Lessa/AE
André Lessa/AE

Ciclistas seminus fazem manifestação na Av. Paulista

Proposta da manifestação é pedar pelado, mas grupo teve que ficar seminu para evitar confusões

Fabio M. Michel, estadao.com.br

14 de março de 2009 | 15h31

Ciclistas seminus fizeram uma manifestação na tarde deste sábado, 14, para denunciar a precariedade das condições de trânsito para quem pretende se locomover de bicicleta em São Paulo. A atividade fez parte da segunda edição anual do World Naked Bike Ride SP, chamada de "Pedalada Pelada".

 

Segundo a PM, cerca de 150 pessoas participaram do evento, que começou por volta do meio-dia, no cruzamento da Av. Paulista com a Rua da Consolação, região central da cidade. Às 14 horas o grupo saiu em conjunto pela pista sentido Paraíso, de onde pedalou até o Parque do Ibirapuera.

 

Embora a proposta fosse participar sem roupas - para reforçar junto à população a fragilidade do ciclista frente à agressividade do trânsito e à poluição provocada pelos veículos motorizados - os manifestantes se participaram da manifestação apenas com muito pouca roupa.

 

Isso para evitar tumultos como os ocorridos no ano passado, quando um rapaz foi preso, na primeira edição do World Naked Bike Ride SP, em junho. O evento é realizado anualmente em diversas capitais do mundo.

 

Apenas nos momentos finais da pedalada, já na Monumento às Bandeiras (e mais longe do público), no Ibirapuera, alguns ciclistas se aventuraram a ficar completamente sem roupa. Segundo a PM, porém, não houve registro de incidentes, nem de prisões.

Tudo o que sabemos sobre:
manifestaçãociclistastrânsito

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.