Cinco morrem na segunda chacina da semana em SP

Cinco moradores de rua foram assassinados na madrugada desta terça-feira, 11, por volta da 1h15, no Jaçanã, zona norte da capital, na segunda chacina da semana na região metropolitana. Outro homem foi assassinado, no mesmo horário, a cerca de um quilômetro do local. Os crimes ocorrem um dia após seis pessoas serem mortas em São Bernardo do Campo.

BRUNO LUPION, Agência Estado

11 de maio de 2010 | 06h56

As vítimas dormiam sob um viaduto na altura do km 86 da Rodovia Fernão Dias, na Rua Abílio Pedro Ramos, quando cinco homens chegaram em três motos e atiraram várias vezes, segundo testemunhas. Entre os cinco mortos, todos homens, apenas Manuel do Nascimento Batista Cerqueira Junior havia sido identificado até a madrugada desta terça-feira. Uma mulher, Mariana Henrique, sobreviveu e está internada em estado grave no Hospital do Mandaqui.

No mesmo horário, a cerca de um quilômetro do local do crime, na Rua Manoel Fernandes Silva, outro homem foi encontrado baleado e socorrido para o Hospital Padre Bento, mas não resistiu e morreu. A polícia não sabe se os crimes estão relacionados.

É a quinta chacina deste ano na região metropolitana de São Paulo, elevando a 25 o total de vítimas. O crime foi registrado no 73º DP (Jaçanã).

Agressões

Uma homem e uma mulher foram agredidos por cerca de dez homens na noite de domingo, 9, sob o mesmo viaduto onde ocorreu a chacina, segundo testemunhas. A violência teria começado após uma moradora de rua aproveitar uma colisão entre veículos e roubar a bolsa de uma motorista. Algumas horas depois, os agressores teriam chegado ao local e atingido o homem e a mulher com socos e pontapés.

Tudo o que sabemos sobre:
violênciaSPchacina

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.