Cinzas vulcânicas voltam a cancelar voos na Argentina

Os dois aeroportos de Buenos Aires cancelaram os voos no final desta tarde por causa da nuvem de cinzas do vulcão chileno Puyehue, que regressou à capital da Argentina. O comitê de crise se encontrava reunido no começo desta noite para avaliar a situação, segundo informou a assessoria de imprensa da Administração Nacional de Aviação Civil da Argentina (Anac).

MARINA GUIMARÃES E CAROLINA SPILLARI, Agência Estado

24 Junho 2011 | 19h10

O vulcão entrou em atividade no dia 4 e, desde então, os aeroportos da Argentina se encontram afetados pela nuvem vulcânica. O cancelamento vai permanecerá até que a Anac emita comunicado sobre a avaliação das condições meteorológicas.

Em nota no começo desta noite, a empresa aérea Lan informou que os voos com origem e destino em Buenos Aires foram cancelados. A Lan disse que não vai operar para a capital da Argentina até que as condições climáticas sejam favoráveis. A expectativa, conforme a companhia, é que ocorra uma redução das cinzas amanhã, a partir das 11 horas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.