Clérigo pautou campanha

O bispo d. Luiz Gonzaga Bergonzini se projetou na campanha de 2010 ao pregar o voto contra a atual presidente

O Estado de S.Paulo

13 Março 2012 | 03h04

Dilma Rousseff e todos os candidatos do PT. Ele alegava que Dilma e o partido eram contra a vida humana porque defendiam a descriminalização do aborto. Foi dele a iniciativa de distribuir 2 milhões panfletos com as críticas. A polêmica em torno do tema ganhou força na campanha e obrigou o PT a formular a 'Carta Aberta ao Povo de Deus', em que voltava atrás no posicionamento.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.