Clínica e médico indenizarão paciente por dano estético

O Centro de Cirurgia Plástica e Reabilitação e o médico Domingos Quintella de Paola terão de pagar R$ 43,8 mil por danos estéticos, morais e materiais a uma paciente que teve a mama deformada em uma cirurgia plástica.

AE, Agencia Estado

07 Julho 2009 | 20h37

Segundo o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, a paciente fez uma operação para colocar silicone nos seios em 1999. Na ocasião, ela contraiu infecções e teve que se submeter a várias cirurgias reparadoras com alto grau de complicação, o que provocou uma deformidade na mama.

Mais conteúdo sobre:
erro médicoRJindenização

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.