CNA pede na Justiça intervenção federal no PA

A presidente da Confederação Nacional da Agricultura (CNA), senadora Kátia Abreu (DEM-TO), ingressou hoje na Justiça do Pará com um pedido de intervenção federal no Estado, acusando a governadora Ana Júlia Carepa (PT) de não cumprir 111 liminares de reintegração de posse de fazendas ocupadas pelo Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e por outras organizações. O pedido foi entregue ao presidente do Tribunal de Justiça do Estado (TJ-PA), desembargador Rômulo Nunes, que prometeu imediato curso à ação, para que a decisão possa ser adotada com a possível celeridade, "observados os trâmites e preceitos legais".O tribunal formará uma comissão para analisar o pedido e depois submetê-lo ao Tribunal Pleno. Caso o pedido seja aceito pelos 30 desembargadores da corte, o caso será remetido ao Supremo Tribunal Federal (STF), que é o órgão competente para julgar a intervenção. Nunes explicou que o Judiciário tem cumprido a parte que lhe compete. Nos últimos meses foram concedidas 56 liminares, mas nenhuma foi cumprida. "A governadora Ana Júlia está ideologicamente comprometida com os invasores de terras e não tem o menor interesse em manter o Estado de Direito aqui no Pará", afirmou Kátia Abreu. A senadora disse ter ouvido diversas vezes Ana Júlia, quando era senadora, chamar os produtores rurais paraenses de assassinos e escravocratas. "Ao invés de estimular e fomentar a desordem e a criminalidade do MST, ela deveria cuidar dos assentamentos no Estado, coisa que não está fazendo", disse.O chefe da Casa Civil do governo do Pará, Cláudio Castelo Branco Puty, respondeu às acusações feitas pela senadora contra a governadora, que hoje estava em viagem fora do Estado. "A senadora está equivocada. O Estado está cumprindo as decisões da Justiça", afirmou.

CARLOS MENDES, Agencia Estado

10 de março de 2009 | 19h42

Tudo o que sabemos sobre:
terraCNAJustiçaPA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.