Coca-Cola vai cortar 750 empregos nos Estados Unidos

A Coca-Cola disse nesta quinta-feira que vai demitir 750 pessoas nos Estados Unidos, no momento em que a maior fabricante de refrigerantes do mundo racionaliza seu negócio três anos após uma grande aquisição.

Reuters

21 de março de 2013 | 14h42

Os cortes representam 1 por cento da força de trabalho de 75 mil na América do Norte. Cerca de 25 por cento dos cortes serão em Atlanta, cidade natal da Coca, disse um porta-voz, confirmando uma reportagem na imprensa mais cedo.

Em um comunicado enviado a empregados no mês passado, o qual a Reuters teve acesso a uma cópia, a Coca disse que desde a integração de seu sistema de engarrafamento na América do Norte, em 2010, foram identificadas áreas que deveriam ser melhoradas.

(Por Martinne Geller em Nova York)

Tudo o que sabemos sobre:
BEBIDASCOCAEMPREGOSEUA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.